Portugueses desenvolvem detergente amigo do ambiente a partir de lixo

Projeto foi vencedor na categoria de Investigação na iniciativa Green Projects Awards e recebeu o Prémio Jerónimo Martins para Investigação e Desenvolvimento.

Investigadores portugueses chegaram a uma solução para produzir detergentes amigos do ambiente e menos tóxicos que os derivados do petróleo, a partir de materiais como lenhocelulose e açucares encontrados no lixo, uma descoberta já patenteada.

“Procuramos produzir uma molécula de maior valor que pode, de alguma forma, substituir potencialmente produtos derivados do petróleo, como os detergentes”, disse hoje à agência Lusa César Fonseca, cientista que, no Laboratório Nacional de Energia e Geologia (LNEG), coordenou o trabalho.

As conclusões obtidas “têm essencialmente duas vantagens, uma é a produção destes detergentes a partir de matéria-prima renovável, como resíduos ou lixo, e por outro lado, estas moléculas, sendo produzidas biologicamente, também são menos tóxicas e biodegradáveis”, resumiu.

in Diário de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.