Poluição no ar no norte da China está 50 vezes acima do aceitável

“Ao sair de casa sentes que o ar te queima os olhos, a garganta irritada”.

Parte do norte da China encontra-se hoje coberta por uma nuvem acre, após o nível de poluição superar em quase 50 vezes os níveis considerados aceitáveis pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

A densidade das pequenas partículas PM 2.5, as mais suscetíveis de se infiltrarem nos pulmões e de atacarem o sistema respiratório, atingiu 860 microgramas por metro cúbico em Changchun, capital da província de Jilin, no nordeste do país.

É um nível que supera largamente os 25 microgramas considerados aceitáveis pela Organização Mundial de Saúde.

O governo municipal anunciou, entretanto, o “nível três” de alerta, que inclui a proibição de atividades ao ar livre nas escolas, e uma lembrança aos residentes para optarem por transportes públicos, permanecerem em espaços fechados e “tomarem precauções”.

in Diário de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.