Governo propõe plano de reflorestação para os próximos anos

O Instituto de Conservação da Natureza e Floresta (ICNF) anunciou um investimento de 15 milhões de euros para a reflorestação do Pinhal de Leiria e da Mata Nacional de Leiria, durante os próximos anos. O diretor do ICNF, Rogério Rodrigues, acompanhado pelo ministro da Agricultura, Capoulas Santos, anunciaram este programa de recuperação das matas litorais, na sequência dos fogos que destruíram 86% do Pinhal.

“Demorará décadas [até] podermos constituir novos povoamentos. Mas será certamente um pinhal melhor”, afirmou o diretor, referindo-se ao plano de curto prazo de revitalização florestal, previsto até 2022.

O ministro do ambiente salientou a vontade de reforçar os meios materiais e humanos na região, proporcionando uma maior capacidade de intervenção aos serviços no terreno em prol dos serviços centrais em Lisboa. Capoulas Santos sublinhou ainda que “o Ministério da Agricultura e do Ambiente vão apresentar uma proposta ao conselho de ministros” sobre estes reforços.

O Estado já conseguiu vender 11,5 milhões de lenha do Pinhal de Leiria, em leilões de madeira queimada. Todo o dinheiro angariado será aplicado no plano de recuperação das matas que, de momento, tem um orçamento estipulado de 15 milhões de euros.

in Diário de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.